Início

E

nquadramento

  Desenvolver as capacidades do formando, apurando as maiores lacunas da sua formação musical e sugerindo estratégias de remediação das dificuldades detetadas;

  Introduzir diferentes modelos curriculares em Educação Musical, fornecendo metodologias e técnicas adequadas à idade e ao desenvolvimento musical dos alunos − a abordagem é eclética, não se procurando privilegiar um determinado modelo pedagógico;

  Promover a autonomia nesta área disciplinar em termos de escolha de estratégias, atividades e recursos adequadas à idade e ao desenvolvimento musical dos alunos;

  Aproximar os docentes de espetáculos musicais, ampliando a sua cultura musical − não se pretende postular um gosto, mas antes fomentar a crítica para uma livre escolha de música.

No quadro 1, são apresentados os objetivos de aprendizagem e os conteúdos propostos para formação na área da Música.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM CONTEÚDOS
• Aprofundar o conhecimento sobre as orientações curriculares para a Expressão e Educação Musical.
• Orientações curriculares na área da Expressão e Educação Musical para o Ensino Pré-escolar e 1º Ciclo do Ensino Básico.
• Conhecer e dominar técnicas básicas de interpretação musical (vocal, instrumental).
• Técnicas de execução e de interpretação musical (vocal e instrumental):
- Algumas regras da música de conjunto;
- A importância do andamento, da métrica, da dinâmica e da articulação nas decisões interpretativas.
• Adquirir e experimentar técnicas básicas de ensaio e de direção musical.
• Técnicas básicas de ensaio e de direção musical:
- Preparação vocal (exercícios de relaxamento e respiratórios, vocalizos);
- Rudimentos técnicos do instrumental Orff (exercícios de relaxamento e técnica específica de cada instrumento) − Facultativo, dependendo dos recursos de cada Agrupamento/Escola.
• Conhecer repertório musical diversificado em termos de forma, estilos e géneros.
• Identificar e nomear os elementos da Educação e Expressão Musical utilizando linguagem apropriada.
• Identificar, em peças musicais, os parâmetros musicais: Timbre, Altura, Dinâmica, Ritmo e Forma.
• Audição e interpretação de peças musicais com formas, estilos, géneros e tecnologias diferenciadas.
• Audição, análise e descrição de peças musicais, utilizando terminologia e vocabulário adequado.
• Os parâmetros musicais Timbre, Altura, Dinâmica, Ritmo e Forma.
• Desenvolver autonomia na seleção de repertório adequado às crianças do pré‐escolar e do 1º ciclo do Ensino Básico. • Canções simples de dois e cinco sons de alturas diferentes, em escalas pentatónicas diatónicas, em modo maior e menor, em métrica binária e ternária.
• Cantos Rítmicos em métrica binária e ternária, com e sem palavras.
• Critérios básicos de escolha e seleção de canções e cantos rítmicos de acordo com a faixa etária e o desenvolvimento musical dos alunos.
• Explorar/criar pequenas peças sonoro-musicais. • Exploração/criação sonoro-musical com formas, estilos, géneros e tecnologias diferenciadas.
• Utilizar várias formas de representação sonora/musical. • Exploração de códigos e formas diferenciadas de representação gráfica dos sons (convencionais e não convencionais).
• Relacionar a música com os seus contextos socioculturais.
• Interpretação de repertório de acordo com o seu contexto sociocultural.
• Análise de peças musicais segundo os seus contextos socioculturais.

Quadro 1 – Objetivos de Aprendizagem e Conteúdos das sessões de formação do PEEA (elaborado pelos Carlos Gomes, Maria João Magno – antigos responsáveis pela área da Música na EEA nos anos letivos, respetivamente, 2010/2011 e 2011/2012 –, e António Rocha da área da Música da Equipa de Educação Artística)

Este site foi otimizado para os seguintes browsers e versões superiores: Firefox 11 para Mac OS e Windows | Internet Explorer 10 para Windows | Apple Safari 5 para Mac OS | Chrome para Mac OS e Windows